terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Desafio Literário - Janeiro: um livro que virou filme


CARROL, Lewis (1832-1898). Alice edição comentada: Aventuras de Alice no País das Maravilhas e Através do Espelho. Ilustrações originais, John Tenniel; introdução e notas, Martin Gardener; tradução, Maria Luiza X. de A. Borges - Rio de Janeiro: Zahar,  2002.





Para dar início ao Desafio Literário 2014 minha escolha para o mês de Janeiro - um livro que virou filme - foi Alice no país das maravilhas. Alice já teve algumas adaptações para o cinema sendo a animação da Disney de 1951 - acredito eu - a mais famosa e a mais recente em 2010 sob direção de Tim Burton.



Alice no país das maravilhas foi um dos primeiros livros que li na vida mas numa edição adaptada da Disney. Portanto não o texto original de Carrol. Agora mais de vinte anos depois finalmente li o texto original nesta incrível edição comentada que contém, além de Alice no país das maravilhas, o segundo livro de Alice, Através do Espelho. Confesso que não conhecia este último e foi uma grata surpresa este livro pois uma das minhas maiores fantasias na infância era atravessar o espelho e descobrir o que eu encontraria por lá. 


Assim como Alice eu pensava "...como seria bom se pudéssemos atravessar para a Casa do Espelho!" (p.138)

Alice, em ambos os livros, após cair no sono desembarca no País das Maravilhas e encontra personagens excêntricos, animais falantes e muitos episódios absurdos. Esta edição comentada é interessante porque muitos desses absurdos são explicados, porém algumas notas são tão longas que perdemos o ritmo de leitura da própria estória. Recomendo que primeiro seja feita a leitura do texto sem as notas e depois uma outra leitura com as notas ou vice-versa.

Sobre os filmes, em ambas as adaptações aqui citadas, foi feita uma mesclagem do primeiro livro e do segundo livro. Algumas das personagem de Através do Espelho aparecem nestas adaptações, são elas: os gêmeos Tweedledee e Tweedledum e as flores falantes.



O livro é uma leitura muito divertida. Alice e o seu país das maravilhas vai sempre estar no imaginário das crianças e também dos adultos então não tem idade para ser lido.

5 comentários:

Flávia disse...

Adoro a Alice!!!! Minha personagem de conto de fadas favorita!!

Jacy Coelho disse...

eu acho o "Através do espelho" muito louco. Depois que fiquei sabendo que era um jogo de xadrez tive que ler de novo ahahahh

Dayana disse...

Flávia, também adoro Alice!

Jacy, eu acho as duas histórias bem loucas...mas acho que gosto mais de "Através do Espelho". Os episódios são tão absurdos que de fato o jogo passa um pouco despercebido...cada encontro com aqueles personagens loucos é o avançar uma casa no tabuleiro mas como não entendo nada de xadrez fica por isso mesmo rs

Patrícia Grumiche Silva disse...

Oi Dayana, Alice é uma das minhas personagens favoritas no mundo dos livros. Por obra do acaso não assisti a nenhum dos filmes baseados em sua história... mas penso que é um livro que todos deveriam ler. O filme Matrix faz algumas referências ao texto. Aproveito para agradecer o comentário na resenha do Ed Mort e dizer que olhei minhas anotações sobre o Dupin e só registrei que ele fumava cachimbo de âmbar... fiquei com vontade de reler os contos. :)Abraço!

Dayana disse...

oi Patricia,
também agradeço o comentário.

Ahá! Suas anotações são mesmo completas!

bj